Ilha da Madeira

Paisagens vulcânicas

 

Ilha da Madeira

Bosques seculares

 

Ilha da Madeira

Praias isoladas

 

Lisboa

Street Photos e Arquitetura

Imersão Fotográfica

Ilha da Madeira

Com Cristiano Xavier e Henrique Murta

Uma experiência múltipla!

Esta expedição fotográfica, cuidadosamente desenhada por Cristiano Xavier e Henrique Murta, tem como principal foco a imersão na natureza de uma ilha de beleza rara, considerada a nível mundial como um hot spot da fotografia de paisagem. Serão visitados os locais mais espetaculares da ilha com base em um planejamento que contou com a percepção estética dos dois fotógrafos. Na busca da cena ideal, foram levados em consideração variados fatores, como a oscilação das marés, a orientação do Sol, a variação climática anual e a logística de deslocamento.

Em função da grande diversidade natural e paisagística, uma alta gama de técnicas de fotografia serão exploradas: captura de panoramas, longa exposição com filtros ND, fotografia aérea, fotografia noturna com light painting, etc. Juntamente às variadas técnicas, serão abordadas diferentes perspectivas estéticas.

O roteiro inclui estadias em hotéis de alto nível de conforto localizados em pontos onde se pode contemplar e sentir a paisagem típica da Madeira. Serão também visitados, em locais remotos da ilha, pequenos vilarejos que pararam no tempo. Uma vez que a ilha pertence a Portugal, a gastronomia local não decepciona: a espetada, o filete de espada com banana e o bolinho de mel certamente deixarão saudade. 

Dos bosques neblinados da Madeira aos ladrilhos coloridos do coração de Lisboa: uma experiência fotográfica que extrapola a estética visual.

Photos: ©Cristiano Xavier

CONTINENTE

Europa

PAÍS

Portugal

REGIÃO

Ilha da Madeira

PARTICIPANTES

8 a 12

DATA

14 a 25 de ABRIL 2023

VALOR

 €3280,00

O LOCAL

Uma ilha vulcânica no meio do Atlântico onde a natureza assume formas múltiplas. Diversidade é a palavra que melhor define a beleza natural da Ilha da Madeira: cachoeiras que caem ao lado do mar, bosques neblinados com árvores centenárias, monumentos vulcânicos, picos rochosos com vistas panorâmicas, praias de areia escura e penhascos de centenas de metros de altura.

Além da ilha da Madeira, a expedição fotográfica incluirá três dias no território continental de Portugal, nos quais será visitada Lisboa e seu entorno próximo. Em Lisboa, caminharemos pelo centro histórico seguindo a rota do charmoso Tram 28 e registrando os encantos de uma das mais interessantes cidades europeias. Passaremos também pela região de Sintra, onde se pode contemplar bosques em meio a maciços graníticos e algumas das praias rochosas mais belas de Portugal.

Photos: ©Cristiano Xavier

ROTEIRO

Dia 0 (14 abril)

Embarque para Lisboa/Ilha da Madeira

Dia 1 ( 15 abril) 

Santana / Ilha da Madeira

Chegaremos no aeroporto da Ilha da Madeira e tomaremos a direção da vila de Santana, na costa norte da ilha, conhecida pelas suas casas triangulares construídas com pedra natural e colmo, são usadas como estábulos e, algumas vezes, até como habitação já há muitos séculos. As paisagens montanhosas são dominadas pelo verde exuberante que caracteriza a Floresta Laurissilva. Na verdade, algumas das suas paisagens são classificadas patrimônio mundial, o que é certamente um forte contributo para a manutenção da sua beleza.

Check in no hotel e noite livre.

Dia 2 (16 abril)

Santana / Ilha da Madeira

Saída para explorar a Ponta de São Lourenço, onde registraremos os incríveis penhascos de cor avermelhada com colunas rochosas que soerguem do mar. Uma trilha percorre a Ponta de S. Lourenço, península mais a Este da ilha da Madeira, batizada com o nome da caravela de João Gonçalves Zarco, um dos três descobridores da ilha da Madeira.Esta península é de origem vulcânica, na sua maioria basáltica, existindo também formações de sedimentos calcários. No seu seguimento temos dois ilhéus: o ilhéu da Cevada, da Metade ou dos Desembarcadouros, o ilhéu da Ponta de S. Lourenço, do Farol ou de Fora. Passaremos o dia inteiro nesta zona de beleza rara e únicaonde serão exploradas diferentes técnicas de fotografia de paisagem. Em determinados pontos, a interessante vegetação rasteira local nos proporcionará variadas possibilidades de composição, harmonizando em primeiro plano com os penhascos e colunas vulcânicas da paisagem. Na busca da imagem o mais nítida possível, poderemos explorar técnicas e conceitos de foco, como distância hiperfocal e focus stacking.

Noite em Santana.

Dia 3 (17 abril)

Santana / Ilha da Madeira

Registraremos o nascer do sol na Ponta de São Lourenço em locais onde o alinhamento entre os penhascos e o Sol proporcionará cenas incríveis. A alta latitude de exposição que presenciaremos demandará um forte controle técnico na exposição. Exploraremos conceitos de HDR, bracketing e ETTR. No final da manhã, partiremos em direção à parte alta da ilha, onde se pode sentir o clima montanhoso da Madeira. Passaremos por pequenos vilarejos no meio da montanha, uma charmosa ponte antiga e mirantes para picos rochosos e vales verdes. O pôr do sol será contemplado na parte mais alta da ilha, onde poderemos explorar uma infinidade de composições com teleobjetivas. 

Noite em Santana

Dia 4 (18 abril)

Porto Moniz / Ilha da Madeira 

Após o café da manhã, caminharemos por um bosque úmido com diversos cursos d’água, cachoeiras e uma vegetação que representa bem a botânica da ilha. Além das famosas laurissilvas com seus galhos retorcidos, encontradas unicamente na Macaronésia (arquipélago que compreende Madeira, Açores, Canárias e Cabo Verde), poderemos testemunhar tils, loureiros, folhados, dentre outros. Após o almoço, partiremos para Porto Moniz, onde passaremos a noite. No caminho, serão contempladas praias rochosas, mirantes e piscinas naturais onde poderemos exercitar as fotos de longa exposição usando filtros ND.

Noite em Porto Moniz

Dia 5 (19 abril)

Porto Moniz / Ilha da Madeira

Contemplaremos o nascer do sol em uma praia com grandes blocos arredondados de rocha em frente a impressionantes monumentos vulcânicos que se elevam do mar. Um local anomalamente fotogênico no qual diferentes perspectivas e encaixes geométricos tendem a convergir para o equilíbrio estético. Como em vários pontos da viagem, poderemos explorar fotografia de longa exposição e criação de panoramas. No final da manhã, partiremos para as piscinas naturais de Porto Moniz, onde se pode explorar uma infinidade de perspectivas abstratas das inúmeras pontas rochosas com o mar em longa exposição ao fundo. No meio da tarde partiremos para um bosque neblinado com atmosfera fantasmagórica, onde espécimes de laurissilva com idade centenária parecem nos observar, silenciosamente. Cada árvore, um caráter, uma personalidade única. Ficaremos no bosque até o anoitecer, quando serão exploradas técnicas de fotografia noturna.

Noite em Porto Moniz

Dia 6 (20 Abril)

Porto Moniz / Ilha da Madeira

Após o café da manhã, exploraremos a parte alta da ilha e partiremos em direção a uma vila isolada, nos pés de um gigantesco penhasco, que literalmente parou no tempo. No caminho, será visitada uma série de mirantes. Uma vez que chegarmos na vila, passearemos por suas ruelas, contemplando a bucólica simplicidade da arquitetura local. Uma oportunidade única para registrarmos a vida na Madeira profunda. No final da tarde, visitaremos uma grande cachoeira situada de frente para o mar.

Dia 7 (21 abril )

Funchal / Ilha da Madeira

Check out e seguimos para a Capital Funchal. No caminho passaremos por mirantes com vistas para picos rochosos e vilas antigas na costa Sul da Ilha da Madeira. No início da noite, caminharemos pelas ruas históricas da cidade de Funchal, ótima oportunidade para street photography, compras de artesanatos locais e um bom vinho madeira.

Noite em Funchal

Dia 8 (22 Abril)

Lisboa / Portugal Continental

Dia de traslado no qual partiremos para Portugal continental. Em função do horário de voo, teremos livre Funchal, no início do dia, e/ou Lisboa, no final do dia.

Noite em Lisboa

Dia 9  (23 abril)

Lisboa / Portugal Continental

Visitaremos pela manhã construções palafíticas de pescadores na beira do Rio Tejo, onde poderemos registrar o encanto destas construções de madeira sobre a água em longa exposição. No resto do dia, até de noite, passearemos pelo centro histórico de Lisboa registrando os encantos da de um dos maiores centros culturais da Europa. Exploraremos técnicas e olhares de fotografia de rua, seguindo a rota do tradicional Tram 28 e caminhando pelas ruelas do bairro da Alfama.

Noite em Lisboa

Dia 10 (24 abril)

Lisboa / Portugal Continental

No nosso último dia, fecharemos a viagem com chave de ouro visitando as praias maravilhosas da região de Sintra. No início da manhã, passearemos por uma zona onde blocos arredondados graníticos ornam o leito de um grande bosque. Técnicas de panning vertical com desfoque de movimento poderão ser exploradas nas partes mais densas do bosque. Em seguida, partiremos para o litoral, na zona mais ocidental de todo o continente europeu. Visitaremos uma série de praias com areia clara, penhascos e colunas rochosas. Um local excelente para a captura de panoramas. No pôr do sol, registraremos a luz dourada banhando uma das praias mais bonitas do continente europeu.

Noite em Lisboa

Dia 11 (25 abril)

Trânsito

Neste dia nos despediremos de Portugal, terra da saudade.

 

Hotéis:

Santana- Quinta do Furão

Porto Moniz – Aqua Natura

Funchal – Castanheiro Boutique Hotel

Lisboa – Maxime Boutique Hotel

  • Os hotéis podem sofrer modificações dependendo da disponibilidade, sendo substituídos por outros similares.

 

OBSERVAÇÃO:

Este roteiro está sujeito a alterações em função de variações climáticas, oportunidades, e interesses do grupo. De qualquer maneira, os locais por nós considerados como hot spots de fotografia de paisagem serão visitados.

Photos: ©Cristiano Xavier

VALORES

VALOR POR PESSOA EM  ACOMODAÇÃO DUPLA

€3280,00

FORMA DE PAGAMENTO:

Sinal de €300,00 ( trezentos euros) via transferência ou PIX

O restante do pagamento (convertido em real pelo cambio turismo na cotação do  valor econômico da data do envio do contrato) poderá ser dividido em até 6 vezes sem juros no cartão VISA/MASTERCARD ou de 7 a 10 vezes com juros de

APARTAMENTO SINGLE VOLUNTÁRIO€759,00

  • O valor do sinal se refere a custos de reserva, intermediação e contratação de serviços locais e não será reembolsado mediante a desistência do participante por nenhum motivo.
  • Caso o número de participantes não preencha o mínimo necessário, o valor do sinal pago será integralmente devolvido.

INCLUSO

INCLUSO

  • Transporte terrestre privado na Ilha da Madeira e em Lisboa.
  • Acomodação em apartamento duplo com café da manhã.
  • Acompanhamento dos fotógrafos Cristiano Xavier e Henrique Murta durante a viagem, orientando e compartilhando conhecimento sobre fotografia e edição de imagens.
  • Seguro viagem.

NÃO INCLUSO

  • Transporte aéreo.
  • Acomodação depois do término da viagem.
  • Refeições (fora café da manhã), bebidas e gorjetas.
  • Suplemento single.
  • Equipamento pessoal.

Photos: ©Cristiano Xavier

O QUE LEVAR

  • Equipamento fotográfico sugerido*: câmera, lentes desde grande angulares até teleobjetivas, tripé, filtro ND, filtro polarizador, cabo disparador e flash.
  • Lanterna de cabeça ou Lanterna de mão.
  • Bota de caminhada.
  • Boné ou chapéu.
  • Roupa de frio para as noites e madrugadas.
  • Capa de chuva
  • Protetor solar.
  • Snacks de trilha  (barrinhas de cereal ou de proteína).
  • Garrafa d’água.

Dúvidas entre em contato.*

MAIS INFORMAÇÕES

  • Nesta viagem, consideramos a imersão na cultura e natureza dos lugares, fundamental para o processo criativo. Portugal oferece uma diversidade de cenários urbanos e naturais, é um país tranquilo e seguro, com uma culinária mundialmente famosa e hotéis confortáveis.
  • A viagem é destinada a todos aqueles que se interessam por fotografia e por aprender a enxergar de forma diferente. As orientações, ensinamentos e direcionamentos serão dadas de acordo com o nível e interesse de cada participante.
  • A viagem inclui algumas caminhadas, aconselha-se uso de botas de trilha.
  • Toda viagem que aborda fotografia de natureza, necessita de análise do clima e condições locais e isso pode alterar o planejamento dia a dia. A intenção é garantir as melhores condições de luz e segurança do grupo.
  • A hospedagem em apartamento duplo depende da disponibilidade de outro participante optar pelo mesmo serviço. Caso não haja outra pessoa optante pelo quarto duplo, o participante ficará em quarto individual pagando o suplemento do mesmo descrito no item “Valores”.
  • Brasileiros necessitam de passaporte válido.
  • Protocolos de saúde serão aplicados de acordo com a legislação vigente no local e na época da viagem visando o bem estar e a segurança de todos.

Photos: ©Cristiano Xavier

GALERIA

RESERVE SUA VAGA